CS 2017: sem proposta na primeira rodada da Elektro

Próxima reunião é amanhã (13), às 9h. Fique ligado!

Ocorreu na última quinta-feira, dia 08, a primeira rodada de negociação da Campanha Salarial 2017 entre a Elektro, o Sinergia CUT e demais entidades sindicais.

Nessa primeira reunião a empresa não apresentou proposta e afirmou que irá privilegiar a mesa de negociações para que haja consenso entre as partes.

O Sinergia CUT reafirmou o compromisso do processo de negociação e reiterou a pauta reivindicação da categoria aprovada na base e que foi entregue com bastante antecedência à empresa. Além disso,  elencou alguns dos itens que os trabalhadores desejam ver contemplados nesta negociação, tais como:

  • Prorrogação do Acordo Coletivo de Trabalho
  • Aumento real para salários e benefícios
  • Melhorias no valor da PLR
  • Melhores nas condições de trabalho
  • Alteração da Cláusula 28ª e 29ª do ACT, igualando as condições de todos os trabalhadores independente da sua data de admissão
  • Demais itens previstos na cláusula 47ª

O Sindicato solicitou ainda que seja definido um calendário anual para acompanhamento do Acordo Coletivo e de suas cláusulas que têm prazos, como exemplo: bolsa de estudos, reajuste do restaurante da sede, resultados parciais da PLR, escala de final de ano da CRC, etc. Cobrou também a prestação de contas da verba mínima de movimentação de pessoal de 1,2% da folha de pagamento.

A Elektro concordou e sugeriu que logo após o fechamento do Acordo seja estabelecido este calendário.

Os sindicatos solicitaram que na próxima reunião sejam apresentadas, pela empresa, as cláusulas reivindicadas por cada entidade.

As próximas rodadas estão marcadas para 13, 20 e 27 de junho e 04 de julho.

RESISTIR PARA CONQUISTAR!