CS 2018: negociações abertas na Elektro. Próximas rodadas definidas

A abertura do processo de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho 2018 da Elektro, que passou por reestruturação societária do Grupo, aconteceu nesta quinta-feira (7), em Campinas, entre os representantes da empresa, do Sinergia CUT e demais sindicatos. Em agosto de 2017, a Neoenergia, empresa do Grupo Iberdrola, incorporou a Elektro Holding.

O Sinergia Campinas e o Sinergia Sindergel, que fazem parte do projeto Sinergia CUT, ressaltaram que já foram entregues as suas pautas e ratificaram o compromisso de priorizar a mesa e evitar que o processo negocial dependa de terceiros.

O Sinergia Campinas destacou ainda que apresentou também uma pauta especifica de PLR 2019, já que o ACT estabelece que esta deverá ser negociada até novembro deste ano. Destacou ainda que os resultados financeiros da companhia aferidos no ano anterior foram positivos e que, como não aconteceu a aquisição da Eletropaulo, há receita em caixa para atender a pauta dos trabalhadores.

A entidade sindical destacou, após as considerações da empresa, que há interesse em debater algumas cláusulas vigentes melhorando a política de emprego e ainda a criação de novas, além das questões econômicas. Reiterou que já houve o registro de dois acidentes na empresa e há necessidade urgente da retomada da Comissão de Saúde e Segurança para debater ações positivas, atendendo com tudo isso a reivindicação dos trabalhadores.

Sugeriu também que a empresa faça a compilação das pautas de todos os sindicatos e apresente na próxima reunião. Assim, foram definidas que as reuniões ocorrerão sempre às quintas-feiras com início às 10h, sendo agendada as próximas para os dias 14/06 e 21/06 na sede da Elektro, em Campinas.

O momento é de luta!