CS 2018: Proposta da Potencial é rejeitada na primeira rodada de negociação

Na abertura da mesa de negociação, que aconteceu às 9h desta terça-feira (13), como nos anos anteriores, a Potencial apresentou sua proposta, tomando por base a pauta dos trabalhadores. Confira abaixo:

Cláusula 1ª – ACT: Vigência 2019

Cláusula 3ª – Reajuste Salarial: ICV – Dieese – 2,5%

Cláusula 4ª – Aumento Real: nada

Cláusula 5ª – Piso Salarial e Plano de Cargos: ICV- Dieese

Cláusula 6ª – Reajuste PLR: ICV – Dieese – 2,5%

Cláusula 10ª – Cesta Básica: querem acrescentar uma redação: “10ª: A cesta básica concedida nessas condições, não integra a remuneração do empregado (a) para nenhum efeito.”

Cláusula 23ª – Querem acrescentar: “As horas extras realizadas serão remuneradas com acréscimo de 50% (cinquenta por cento) de segunda a sábado e com 100% (cem por cento) para as realizadas em domingos, feriados ou nas folgas dos trabalhadores, sem prejuízo da remuneração do descanso semanal”.

 

O Sinergia Campinas rejeitou essa primeira proposta e reiterou que, além de repor a inflação pelo ICV Dieese, quer discutir um ganho real, inclusive nos benefícios, que possibilite a melhora na renda dos trabalhadores, além dos demais itens da pauta apresentada pela categoria.

A próxima reunião foi agendada para às 9h do próximo dia 22. Fique ligado e participe das assembleias informativas!

 

O momento é de luta!