Pautas já estão com as empresas

24 maio 00:25 2005

O Sinergia CUT começou a entregar as Pautas de Reivindicações dos trabalhadores das empresas com data-base em 1º de junho. Foi mais uma oportunidade para reafirmar que os energéticos não abrem mão de direitos e da luta pela ampliação de conquistas e benefícios. Exemplo disso é a disposição de lutar também por aumento real de salários, além do reajuste pelo ICV do Dieese, estimado em 8,5% no período de 01 de junho de 2004 a 31 de maio de 2005.


A primeira entrega de pauta ocorreu no último dia 6 na sede da Elektro em Campinas. Já no dia 11 foi a vez de entregar as reivindicações dos trabalhadores do Grupo CPFL, também em Campinas. Na tarde do mesmo dia, o Sinergia CUT se reuniu com as direções da AES Tietê e da CESP, em São Paulo. Um dia depois (12), também na capital, o Sinergia CUT entregou a pauta de reivindicações do pessoal da CTEEP.
Depois, o Sindicato entregou as pautas de reivindicações dos trabalhadores às direções da Duke Energy, na segunda (16), e da Comgás, na terça (17). Já o secretário Mauro Arce deve receber as reivindicações da categoria no próximo dia 31.


Em todas as reuniões, o Sinergia CUT reafirmou que os trabalhadores querem ser reconhecidos pelas empresas na prática. Condição para para isso, o Sindicato já mostrou que todas as empresas têm, já que o lucro das energéticas chegou a R$ 6,3 bilhões em 2004, conforme divulgado no jornal 648. E disso os energéticos não abrem mão!

  Categorias: