PRR CESP: metas definidas

08 agosto 20:33 2005

Em reunião que terminou no início da noite de terça (07) da semana passada, a Comissão de Política Salarial (CPS) autorizou o pagamento da PLR da CTEEP e da PRR da CESP. Mas o pagamento dos benefícios, devidos desde o ano passado, ficou condicionado à definição das metas para 2005.


Nova reunião entre o Sinergia CUT e a direção da CESP, realizada na última sexta (10), foram definidas as metas: DUG (Disponibilidade de Unidade Geradora), TF (Taxa de Falha) e TS (Taxa de Segurança). O peso das metas corresponde a 70% do valor da PLR 2005, assim divididos: 27,5% para DUG, 39,5% para TF e 0,3% para TS. No financeiro, vale a meta Ebtida, que deverá ser cumprida pelos trabalhadores. A forma de distribuição será definida no ACT. A PRR 2004 será paga em até 10 dias após o protocolo de metas da PRR 2005 no Codec.


Assim, em longas assembléias realizadas em todos os locais de trabalho da CESP na última segunda (13), os trabalhadores decidiram decretar estado de greve para aguardar o pagamento da PRR 2004 ainda esta semana. Caso contrário, a greve por tempo indeterminado acontece a partir da próxima segunda (20). Continue ligado!

  Categorias: