PRR CESP: pagamento à vista na terça

08 agosto 15:44 2005

As direção da CESP e o secretario de Energia anunciaram nesta sexta (17) que a PRR-2004 de todos os trabalhadores será paga na próxima terça (21). O pagamento será integral, sendo R$ 2.202,60 referentes à parte fixa e 47,5% proporcionais ao salário cheio de cada trabalhador.


Vale lembrar que o Acordo Coletivo assinado entre a empresa e o Sinergia CUT estabelecia que o pagamento da PRR deveria ser feito cinco dias após a realização da Assembléia Geral Ordinária, que aconteceu no dia 27 de abril passado. Mas, a partir daí, empresa e governo Alckmin passaram a sonegar informações sobre a quitação da PRR. Trabalhadores e Sinergia CUT decidiram então implementar um Plano de Luta para pressionar o pagamento do benefício. Mobilizações e greves ‘pipoca’ envolveram os trabalhadores Jupiá, Porto Primavera, Hidrovia, Nova Avanhandava, Bariri, Três Irmãos e Ilha Solteira. A greve por tempo indeterminado estava marcado para começar no dia 13 de junho.


A pressão da mobilização dos trabalhadores e a insistência da direção do Sindicato junto ao secretário Mauro Arce levaram a Comissão de Política Salarial (CPS) a finalmente realizar reunião para autorizar o pagamento no último dia 07. Desde que fossem negociadas as metas da PRR-2005. Empresa e Sinergia CUT definiram as metas durante reunião no último dia 10 (sexta). A forma de distribuição será definida no ACT.


Em assembléias realizadas na última segunda (13), os trabalhadores decidiram aguardar o pagamento da PRR em estado de greve. E o dinheiro virá na terça (21). Mais uma vitória.

  Categorias: