Finalmente, ACT da CTEEP é assinado

09 setembro 23:23 2005

O Sinergia CUT participou na quarta-feira (24) da nova cerimônia de assinatura do Acordo Coletivo da CTEEP, amplamente negociado entre empresa e Sindicato. O Acordo firmado, válido até maio de 2007, prevê reajuste de 7,71% nos salários, aumenta a renda com aumento real nos benefícios econômicos e preserva o emprego dos trabalhadores por, no mínimo, mais dois anos.

A empresa creditará no dia 1° de setembro um adiantamento salarial de 15% calculado sobre a remuneração do trabalhador. Os demais acertos, retroativos aos meses de junho, julho e agosto, serão efetuados na folha de pagamento de setembro,  descontando-se o adiantamento de 15%.

Taxa Negocial: os trabalhadores que discordam do desconto da taxa negocial  podem apresentar carta de oposição na sede ou nas macrorregiões até o dia 5 de setembro próximo.

Luta garantiu a vitória: Desde o início da Campanha Salarial 2005 o Sinergia CUT alertou a categoria sobre a resistência do governo nas negociações. Mas os trabalhadores se mostraram dispostos a lutar por direitos e novas conquistas e aprovaram um plano de luta. A manifestação ocorreu no dia 1° de agosto com paralisação de um dia e previsão de greve a partir do dia 08. A adesão do pessoal do interior e da capital foi total, o que forçou a empresa e o governo a reabrirem as negociações com o Sinergia CUT. Nova proposta foi apresentada e aprovada pelos trabalhadores nas assembléias, suspendendo a greve por tempo indeterminado.

  Categorias: