Duke: acordo garante reajuste de salários e benefícios

10 novembro 10:54 2005

Em audiência realizada no último dia 04 na Procuradoria Regional do Trabalho da 15ª Região de Bauru, a Duke Energy e o Sinergia CUT chegaram ao acordo do reajuste do pagamento dos salários e benefícios do ACT 2005.

O Sindicato realizará assembléias no próximo dia 21(segunda) e o pagamento será efetuado, independente do resultado das assembléias,  pelo mesmo índice que já foi assinado com os demais sindicatos, ou seja, 8% retroativo a primeiro de junho.

De acordo com o Termo de Audiência, o que está em discussão são duas cláusulas divergentes do Acordo 2004/2006: Gerenciamento de Pessoal e distribuição da PLR.

Como é sabido, o atual ACT tem validade até 31 de maio de 2006 e o Sinergia CUT está obrigado, pelo próprio Acordo, a negociar apenas as cláusulas de reajuste dos salários e benefícios.

Vale lembrar sobre a ação judicial impetrada pelo Sindicato que garante o pagamento da PLR 100% igual para todos. Nesta ação, ainda cabe à empresa recurso em última instância.

A divergência com a direção da Duke é que a empresa já assinou acordo com outros sindicatos garantindo a distribuição da PLR 50% proporcionais e 50% iguais para todos por três anos (até 31 de maio de 2008).

O Sindicato também discorda da forma como foi escrita a cláusula de Gerenciamento de Pessoal. Diferentemente dos anos anteriortes, ao invés de reduzir de 7% em dois anos foi para 6% anual por três anos. Ou seja,  o limite de rotatividade referente ao quadro mínimo, a empresa está aumentando para 18%.

Por conta disso, o Sinergia CUT orienta os trabalhadores a aprovarem o reajuste salarial e dos benefícios e a rejeitarem as outras cláusulas conforme proposta feita pela empresa. Participe das assembléias!

  Categorias: