Secretário Geral da CUT na Oficina do Sinergia CUT

23 fevereiro 14:51 2006

O secretário geral da CUT Nacional e dirigente do Sinergia CUT, Artur Henrique da Silva Santos fez questão de dar sua palavra de saudação aos dirigentes participantes da primeira Oficina de Estratégia da Campanha Salarial 2006, realizada pelo Sindicato, na sede da macrorregião de Campinas, na quarta (22). A Oficina vai até quinta (23) para debater a estratégia de negociação e de mobilização nas empresas com data base em março, abril e maio.


Artur ressaltou a importância da Oficina para a condução de uma boa Campanha Salarial para toda a categoria e também destacou ser fundamental a participação do Sindicato no Congresso Nacional da Central (9º CONCUT), que acontece de 6 a 9 de junho próximo. ‘Das muitas atividades que temos este ano, uma das mais importantes no campo sindical é o nosso 9º Congresso, que irá eleger a nova direção da CUT nacional, definir os eixos e as estratégias de luta para o próximo período, além de posicionar sobre o momento político eleitoral’, disse.


Artur é pré-candidato à Presidência da CUT e, além dos trabalhadores energéticos, recebe o apoio de outras grandes e importantes categorias, como as representadas pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e Sindicato dos Bancários de São Paulo.


Ele garantiu que, se eleito, vai lutar para a Central avançar no processo de negociação coletiva e dar maior visibilidade às atividades dos ramos, sem nunca esquecer ou abandonar a sua base. E vai intensificar a luta para garantir liberdade e autonomia sindical na prática.


Tão logo terminou a sua fala, o secretário geral da CUT voltou para São Paulo, onde participava desde terça (21) da oficina ‘Estratégia e Organização da CUT: Construindo o Futuro’.

  Categorias: