Eletrobrás começa mal a Campanha Salarial

20 abril 10:36 2006

A segunda rodada de negociação com o Grupo Eletrobrás, ocorrida na quarta (19), não foi nada bem. Das 29 cláusulas da Pauta de Reivindicações dos trabalhadores, apenas duas foram discutidas na primeira etapa da reunião: reajuste salarial e vale refeição. A empresa propôs o reajuste pelo IPCA, cuja previsão é de 4,71%. A proposta foi rejeitada.


Furnas
A negociação continua nesta quinta (20) e, caso não haja avanço, o Sinergia CUT e o CNE (Comando Nacional dos Eletricitários) irão propor implementação do Plano de Lutas.

  Categorias: