CS 2006 na CPFL: atrasou para avançar

12 junho 18:29 2006

A mobilização de uma hora desencadeada pelos trabalhadores da CPFL na manhã de segunda (12)  deu mostras de que a participação e o espírito de luta fazem a diferença. Participaram do protesto trabalhadores de Itapira, Piracicaba, São pedro, Araraquara, São José do Rio Preto, Bauru, Araçatuba, Marília e São Joaguim da Barra, além do pessoal da EA Trevo e da Sede em Campinas.


Hexa é a nossa luta: mobilizar para mudar o cenário de negociação com a CPFL, que vem se caracterizando como uma prática anti-sindical. Basta saber o que ocorreu na 3ª rodada de negociação com a empresa. A reunião estava marcada para às 10h. Porém, só começou às 12h.  E a CPFL não apresentou nenhuma proposta. Em uma enrolação sem fim, o negociador da empresa afirmou que encaminhará à direção do Grupo as reivindicações dos trabalhadores. E foi só.


Para o Sinergia CUT chegou a hora de a CPFL reconhecer o valor dos trabalhadores, negociando com responsabilidade e atendendo às reivindicações da pauta da categoria, apresentando uma contraproposta que reflita os bons resultados alcançados pela empresa: reposição salarial, aumento real, melhoria da PLR e prorrogação do Acordo Coletivo, dentre outras.


A próxima rodada está marcada para o dia 20, terça-feira da semana que vem, às 10h, em Campinas. Continue mobilizado!

  Categorias: