Fundação CESP deve pagar os aposentados da 4819 com urgência

30 junho 17:58 2006

Os aposentados complementados da lei 4819/58, vinculados à CTEEP, ficaram sem receber o benefício de junho que deveria ter sido depositado na última quinta-feira (29). Isso porque a Secretaria da Fazenda conseguiu anular a decisão do juiz da 49ª Vara do Trabalho de São Paulo, que determinava o pagamento pela Fundação CESP.


A AAFC (Associação dos Aposentados da Fundação CESP), que havia conquistado liminar garantindo o pagamento pela Fundação CESP, entrou com medida cautelar na última quinta (29) e conseguiu suspender a decisão que transferia o pagamento  para a Secretaria da Fazenda. A AAFC comunicou a decisão do STJ (Superior Tribunal da Justiça) de ao juiz da 49ª Vara, que determinou que a Fundação CESP faça o pagamento do benefício de junho com urgência, sob pena de multa.

  Categorias: