Tarifa social: Aneel prorroga prazo para consumidor comprovar condição de baixa renda

15 fevereiro 09:12 2007

Quem consome de 161 kWh a 220 kWh têm prazo até dia 31 de maio. Para consumidores da faixa de 80 kWh a 160 kWh, o prazo acaba em 30 de setembro


A Agência Nacional de Energia Elétrica prorrogou o prazo para que consumidores na faixa entre 80 e 220 kWh mensais comprovem sua condição de baixa renda para manutenção do benefício da tarifa social de energia. O prazo válido para consumidores de todo o país, que terminaria no próximo dia 28, foi ampliado de forma escalonada de acordo com o consumo mensal.


Segundo a Aneel, os beneficiários que estão na faixa de consumo de 161 kWh a 220 kWh têm prazo até dia 31 de maio. Para os que consomem de 80 kWh a 160 kWh, o prazo para garantir o direito à tarifa social termina em 30 de setembro.


Segundo a Agência, o objetivo é ampliar a possibilidade de inscrição por consumidores que já se declararam como baixa renda no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal. A inclusão no cadastro, de acordo com a Aneel, é requisito para a manutenção do benefício.

  Categorias: