Elektro: ai meu Santo Antônio!

13 junho 19:05 2007

A sexta rodada de negociação da Elektro ocorrida na quarta (13), em pleno dia de Santo Antonio, casamenteiro e pai dos pobres, não foi das melhores. O RH da Elektro , mal humorado, simplesmente afirmou que a empresa não tem intenção ou mesmo lista para demissões, mas quer demitir 5% do quadro de trabalhadores.


Ou seja, 115 postos de trabalho. O resultado não poderia ser outro: antes do casamento, já deu divórcio. E não parou por aí. No econômico, apresentou a proposta de 4,5% de reajuste nos salários e Gratificação de Férias e Auxílio Creche e 6% nos benefícios de alimentação (VR, VA  e Cesta Básica).


Nem com as preces a Santo Antonio houve melhora na pobre proposta. O Sinergia CUT rejeitou novamente pois não atende as necessidades dos trabalhadores de aumento de salário e renda e de emprego e condições de trabalho e Liberdade e Autonomia Sindical.


Incentivo a
Aposentadoria


As bençãos de Santo Antonio apenas livraram a definição da proposta final de Incentivo à Aposentadoria.  A empresa concordou com as reivindicações complementares que o Sinergia CUT fez na última reunião e adequou a proposta de prêmio pela aposentadoria.


As principais regras do programa são:


1- Aqueles que já estão aposentados no INSS ou que já solicitaram o benefício que ainda não foi concedido – estando ainda discutindo administrativa ou judicialmente o direito – poderiam se inscrever no programa até 30 dias após a assinatura do Acordo. O desligamento da empresa seria a partir de janeiro de 2008.


2-  Os trabalhadores que puderem se aposentar durante a vigência do ACT  poderiam entrar no programa de incentivo à aposentadoria em até 30 dias da entrada do pedido no INSS e se desligariam em até seis meses, possuindo ou não a carta de concessão do benefício do INSS.


3- A empresa reconhece  a estabilidade pré-aposentadoria de até 12 meses,  desde que o trabalhador conte com cinco anos de empresa e  tenha a certidão de contagem do tempo de serviço fornecida pelo INSS, comprovando que faltam  até 12 meses para a aposentaria.


4-Também haverá estabilidade provisória para o tempo entre o pedido e a emissão do Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) junto ao RH mais três meses depois da entrega desse documento, que é necessário para  o pedido de contagem do tempo no INSS.  Para tal procedimento, o trabalhador deverá fazer um Termo de Responsabilidade.


5- O prêmio aposentadoria é com base no tempo de empresa e incide sobre Salário base +ATS +17,28%, sendo:
-1 a 9 anos:  4 salários
-de 10 a 14: 5 salários;
-Acima de 15 : 6 salários.


Além disso, prevê o pagamento das verbas rescisórias, um ano de Assistência Médica e Odontológica  e o pagamento da multa do FGTS pelo período integral trabalhado na empresa. O Sinergia CUT realizará assembléias para discutir o PEA e as demais questões da Campanha Salarial.

  Categorias: