Em reunião rápida, Comgás propõe 4% só nos salários

02 julho 17:40 2007

Em rápida reunião na manhã desta segunda-feira (02), em São Paulo, os negociadores da Comgás apresentaram ao Sinergia CUT uma contraproposta às reivindicações dos trabalhadores. Em pouco mais de quarenta minutos, a empresa se limitou a entregar a proposta por escrito, deixando a negociação para a próxima rodada. 


No econômico, os representantes da Comgás propuseram apenas 4% de reajuste nos salários e só 2% de reajuste nos benefícios, como vale alimentação e PLR. O piso salarial ficaria sem nenhum reajuste. Segundo a empresa, os índices propostos não estão nem estarão atrelados a nenhum indicador econômico A validade do novo Acordo Coletivo seria de dois anos.  


Depois da entrega do documento, os negociadores da empresa solicitaram uma análise da proposta por parte do Sindicato para discussão durante a terceira rodada, marcada para a próxima quinta-feira (05). Mas o Sindicato adianta que a proposta será rejeitada, já que não contempla as expectativas dos gasistas e  recusa a negociação de várias reivindicações da categoria.


Confira a íntegra da contraproposta da Comgás:


Validade do ACT:
Vigência máxima de 02 anos, nos termos da legislação vigente. No próximo ano serão revistas exclusivamente as cláusulas de natureza econômica.
Estabilidade Pré aposentadoria:
Manter a atual redação e prazos do ACT vigente.
Estabilidade gestante, auxílio maternidade e demais garantias:
Manter a atual redação e prazos do ACT e legislação vigentes.
Estabilidade a Empregados afastados por doença:
Manter a atual redação e prazos do ACT vigente.
Política de Emprego:
Manter a atual redação e prazos do ACT vigente.
Reabilitação e Reintegração Profissional:
A empresa manterá as cláusulas do ACT vigente em seus termos.
Reposição Salarial:
A Comgás propõe reajuste de 4%, aplicável sobre os salários de maio/2007. Este reajuste não está nem estará atrelado a nenhum indicador econômico. Por ocasião da data-base de cada ano, deverá ocorrer nova negociação para reajuste geral dos salários.
Participação nos Lucros e Resultados:
Os valores fixos das metas coletivas e vinculadas aos resultados obtidos pela empresa serão reajustados em 2%.
Política de Benefícios e Piso Salarial:
Manter a redação do ACT vigente. Neste ano os benefícios serão reajustados em 2% e novos reajustes deverão ser negociados em cada data-base. Não haverá reajuste no Piso Salarial.
Vale Alimentação:
O benefício do Vale Alimentação dos empregados ativos e aposentados será reajustado em 2%, mantendo-se os demais termos do ACT vigente.
Relações Sindicais:
Manter a mesma redação do ACT atual.
Cláusulas Preexistentes:
As cláusulas preexistentes não discutidas nesta contraproposta terão sua validade estendida até 31/05/2009.
Demais tópicos da Pauta de Reivindicações:
Não negociável.

  Categorias: