Iguaçu Energia tem reajuste contratual de 14,14%

06 agosto 18:19 2007

Efeito médio para consumidores será de -4,16%, o que significa redução de 5,41% para a baixa tensão e de 2,34% para a alta tensão


A Iguaçu Energia (SC) teve fixado em 14,14% o reajuste contratual tarifário pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica, em reunião extraordinária, nesta segunda-feira, 6 de agosto. O índice final é composto de 13,76% de índice de reajuste tarifário e 0,38% de componentes financeiros. Foram retirados do índice final 17,21% de componentes financeiros do reajuste tarifário do ano passado, o que resultou em efeito médio para os consumidores de -4,16%.


Os consumidores de baixa tensão terão uma redução de 5,41% nas contas e os de alta tensão de 2,34% a partir de amanhã, 7. O índice total de reajuste foi calculado considerando-se o IGP-M acumulado de 4%, do qual foi deduzido o Fator X de 1,69%. Com isso, o percentual final utilizado para atualizar a parcela B da receita da distribuidora é de 2,31%.


A Conta de Consumo de Combustível Fósseis da empresa teve uma redução de 41,82% entre 2006 e 2007, com impacto de -2,41% na composição do IRT. A compra de energia teve um aumento de 36,88% no mesmo período, com impacto de 14,26% no IRT. O custo da energia subiu devido à troca de contratos de energia velha por nova adquirida de comercializadoras. (Alexandre Canazio)

  Categorias: