BNDES prevê R$ 5 bilhões de financiamento para o setor elétrico em 2007

09 outubro 17:04 2007


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social estima que fechará 2007 realizando R$ 5 bilhões em desembolsos para o setor elétrico. Segundo o chefe do Departamento de Energia Elétrica do BNDES, Nelson Siffert, o montante superará o desembolsado pela instituição no ano passado, quando o valor fechou em R$ 3,3 bilhões. Siffert contou também que projeções indicam que neste ano o banco aprovará financiamentos para 22% da expansão hídrica em MW prevista pelo Plano Decenal de Expansão da Energia 2007-2016.


Esse montante, observou, não inclui os empreendimentos do complexo hidrelétrico do Rio Madeira. Caso aprove o financiamento dos emprendimentos, o montante em MW aumenta em 10%. Dados apresentados por Siffert mostram que até setembro de 2007, 88 projetos de geração, que totalizam 12.261 MW de capacidade instalada, tiveram aprovação de financiamento pelo banco.


Além disso, foram aprovados outros 27 projetos de transmissão – que somam 9.354 quilômetros de extensão – e 21 projetos para distribuidoras, num total de R$ 22 bilhões em recursos financiáveis de 136 ativos, que compõem um montante de R$ 39,2 bilhões em investimentos.


Ainda de acordo com Siffert, nas próximas duas semanas, outras duas usinas incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento terão processos de financiamento apreciados pela diretoria do BNDES. No entanto, Siffert não comentou a respeito de quais empreendimentos seriam analisados.

  Categorias: