BNDES aumenta desembolsos para setor em 78,5% no ano

12 dezembro 11:00 2007

No período de 12 meses, encerrado em novembro, expansão de financiamento chega a 112%


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social aumentou os desembolsos para o setor elétrico em 78,5% no ano, para R$ 4,9 bilhões até novembro. No período de 12 meses, a expansão de liberação de financiamento chegou a 112%, somando R$ 9,863 bilhões. Apenas no mês passado, o setor elétrico recebeu R$ 993 milhões. O setor vêm puxando a área de infra-estrutura, que é destaque no recebimento de empréstimos do banco.


A infra-estrutura recebeu R$ 23,7 bilhões, alta de 58%, de janeiro a novembro deste ano. No total, os desembolsos acumulados nos onze meses do ano somaram R$ 56,6 bilhões, valor 34,2% superior ao dos mesmos meses do ano passado. As aprovações, de R$ 76,9 bilhões, superaram em 23,6% o montante de igual período de 2006. Os enquadramentos somaram R$ 99,6 bilhões, com alta de 16,9%, e as consultas atingiram R$ 118 bilhões, aumento de 29,8%.


Os desembolsos totais atingiram R$ 66,7 bilhões nos últimos 12 meses encerrados em novembro, representando crescimento de 35% em relação ao mesmo período anterior. As aprovações acompanharam o ritmo de aceleração, somando R$ 89 bilhões, alta de 33%, e mantendo o hiato em relação às liberações observado ao longo do ano.
As consultas para novos financiamentos do BNDES de dezembro de 2006 e novembro de 2007 foram de R$ 133,1 bilhões, aumento de 30%, e os enquadramentos, de R$ 109,8 bilhões, com alta de 20%.

  Categorias: