Sindicato conquista liminar que impede mudança de jornada dos operadores

22 fevereiro 17:24 2008

Vitória. O Sinergia CUT ganhou na última quinta-feira (21) uma liminar na 4ª Vara do Trabalho de Campinas que impede a CTEEP de alterar a jornada de trabalho, os cargos e as funções dos operadores.


Vale lembrar que, em novembro de 2007, a CTEEP apresentou uma proposta que acabava com a função de operador, alterando a jornada de trabalho em troca de uma indenização de R$ 10 mil.


Em assembléias, os trabalhadores rejeitaram a proposta da empresa por unanimidade, já que a intenção da CTEEP era reduzir ainda mais o quadro de pessoal, em curto e médio prazo. Depois disso, o Sinergia CUT ainda buscou uma saída negociada para impedir a mudança proposta pela empresa.  Sem acordo, o Sindicato entrou , em janeiro passado, com uma Ação Judicial contra a CTEEP por  descumprimento do ACT, que prevê a escala praticada até então.


A liminar, concedida pela juíza Ana Lúcia Cogo Casari Castanho, determina que a CTEEP ‘se abstenha de qualquer procedimento visando a alteração da jornada de trabalho e do cargo e funções dos trabalhadores’. Na decisão, a CTEEP também é convocada para audiência no dia 28 de maio.

  Categorias: