Trabalhadores da CESP já têm novo ACT

25 fevereiro 09:16 2008

Cerimônia de assinatura aconteceu na Secretaria de Energia, em SP, na quarta (20). Garantia de emprego por três anos em caso de venda da empresa é uma das principais conquistas


Já está valendo o novo Acordo Coletivo de Trabalho da CESP. A proposta amplamente negociada entre o Sinergia CUT, a direção da empresa, a Secretaria de Energia de SP e demais sindicatos e que foi aprovada por unanimidade nas assembléias dos trabalhadores, foi assinada na quarta-feira (20), em SP.


Para a direção do Sinergia CUT, ‘o objetivo do Sindicato em antecipar essa campanha e fechar o ACT era garantir a tranqüilidade necessária aos trabalhadores diante da ameaça de privatização, com garantia de emprego por três anos e manutenção de direitos históricos. Com certeza, esse Acordo é uma vitória da categoria’. Vale lembrar que o leilão da CESP deve acontecer no dia 26 de março, na Bovespa, em SP.


O novo ACT
As cláusulas foram negociadas em cima de duas possibilidades – a CESP continua estatal ou a CESP é privatizada. O novo Acordo terá validade até 2009. Confira os principais itens do ACT:



  • Reajuste de salários e benefícios: pelo IPC/Fipe, a partir de 1° de junho próximo, se a CESP continuar estatal. Ou no mínimo pelo IPC/Fipe se a empresa for privatizada.
  • Montante da PRR: uma folha salarial acrescida do ATS e da Gratificação de Função, se a CESP continuar estatal. Essa proposta vale tanto para a PRR 2007/08 como para a de 2008/09.
  • Gerenciamento de Pessoal: até junho de 2009 se a CESP continuar estatal. Ou validade de três anos, a partir da data de venda, se a empresa for privatizada.

  Categorias: