Aposentados da 4819 ainda aguardam decisão

03 março 12:38 2008

E os aposentados da Lei 4819 ainda aguardam uma resposta do governo Serra sobre o recebimento dos benefícios. No dia 08 de fevereiro, o Sinergia CUT esteve em audiência com a assessora do Procurador Geral do Estado, Dra. Jacqueline Zabeu Pedrosono, com o objetivo de agilizar o processo.


Após a audiência, a assessora solicitou que o Sindicato lhe enviasse uma correspondência com todas as informações necessárias para ajudar a agilizar parecer, o que foi providenciado no dia 11. A assessora respondeu a correspondência dizendo que o processo está sendo analisado.


Desde junho de 2007, mais de 4.000 aposentados esperam receber benefícios complementares reajustados a partir de 4,5% e um abono de R$ 300,00 em suas aposentadorias.

  Categorias: