Lucro da CTEEP cresce 630%

03 março 13:15 2008

A Cia. de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP), controlada pela colombiana ISA que venceu o processo de privatização realizado em 2006, registrou um dos melhores resultados de sua história no ano passado. Com uma política pesada de reduções de despesas e a entrada em operação de uma subestação de energia, a operadora de linhas de transmissão de energia aumentou seu lucro líquido em 630%, fechando em R$ 855,4 milhões em 2007.


De acordo com José Sidnei Colombo Martini, presidente da CTEEP, a companhia colocou em funcionamento a subestação Anhangüera na grande São Paulo, o que aumentou o volume de energia transportada. O resultado foi um acréscimo de receita de R$ 250 milhões no desempenho da empresa.


‘Nós ficamos seis meses estudando a CTEEP em 2006, já que a compramos em junho daquele ano. E o objetivo era encontrar possibilidades que a tornasse mais rentável’, explica Martini.


Deu certo. A empresa reduziu, por exemplo, à metade o número de centros de controle, saindo de quatro para dois. As subestações também deixaram de ser operadas manualmente e passaram a utilizar computadores. Sendo assim os custos dos serviços da operação e despesas gerais e administrativas tiveram queda de 69%, alcançando R$ 359,1 milhões em 2007.


Agora, o executivo reconhece que será necessário investir para manter a CTEEP em um bom patamar de funcionamento. Segundo Martini, a intenção é alocar R$ 503 milhões neste ano, R$ 554 milhões em 2009 e R$ 439 milhões em 2010. (Maurício Capela)

  Categorias: