Em defesa do patrimônio público

19 março 16:50 2008

Trabalhadores do setor elétrico, sindicalistas, parlamentares e a sociedade civil organizada vão realizar nesta quinta-feira (13), às 9h, um ato contra a privatização da CESP, no Auditório Franco Montoro da Assembléia Legislativa de São Paulo.


A manifestação está sendo organizada pelo Comitê Contra a Privatização da Cesp que, além do Sinergia CUT, conta com a presença da CUT-SP, de outras centrais sindicais, de representantes dos movimentos sociais e dos partidos da bancada de oposição na Alesp. Vale lembrar que o leilão da Cesp está marcado para o próximo dia 26, na Bolsa de Valores de São Paulo.


Para a direção do Sinergia CUT, ‘se não houver uma reação firme da sociedade, o PSDB dará início à venda do restante do patrimônio paulista. Serra demonstra com essa intenção de privatizar não ter compromisso com o desenvolvimento do Estado, com o seu futuro, com a qualidade de vida do povo. Abrir mão de um setor estratégico como o da  geração de energia, é uma irresponsabilidade. Como prova disso, as empresas de geração que foram privatizadas não investiram nenhum tostão na geração de energia nova mesmo sendo obrigadas pelo contrato de concessão’.

  Categorias: