Furnas aguarda Licença de Instalação de Santo Antônio para a próxima segunda-feira, 31

28 março 10:35 2008

Caso seja confirmada concessão da licença, obras terão início entre agosto e setembro, segundo Luiz Paulo Conde


A licença de instalação da hidrelétrica Santo Antônio (RO, 3.150 MW) está com a liberação aguardada por Furnas para a próxima segunda-feira, 31 de março. Segundo o presidente de Furnas, Luiz Paulo Conde, caso seja confirmada a concessão da licença, pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis, as obras terão início entre agosto e setembro. Já o financiamento da obra, que faz parte do complexo hidrelétrico do Rio Madeira (6.450 MW), tem previsão de ser liberado em setembro, segundo o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, já que o empreendimento já encontra-se enquadrado nas condições fixadas pelo banco.


Conde comentou ainda que Furnas disputará a concessão da hidrelétrica de Jirau (3.300 MW), no leilão que está previsto para o dia 9 de maio, com o mesmo consórcio que participou de Santo Antônio. Ele não revelou detalhes da estratégia, mas avalia que o preço de oferta de Jirau deve ficar próximo do valor de Santo Antônio. No leilão, ocorrido em dezembro, o preço de lance para a usina ficou em R$ 78,97 por MWh.


Nesta quinta-feira, 27 de março, o executivo participou, na sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, de assinatura do contrato de financiamento da hidrelétrica Simplício (RJ, 333,7 MW). O consórcio que arrematou Santo Antônio (Madeira Energia) formado por Furnas (39%), Cemig GT (10%), Odebrecht Investimentos em Infra-estrutura (17,6%), Construtora Norberto Odebrecht (1%), Andrade Gutierrez Participações (12,4%) e Fundo de Investimentos e Participações Amazônia Energia – formada por Banif e Santander – (20%). (Alexandre Canazio)

  Categorias: