Trabalhadores da Medral também aprovam novo ACT

09 maio 17:54 2008

Em assembléias realizadas no dia 29 de abril, foi aprovada pela maioria dos trabalhadores da Medral a proposta de ACT negociada com o Sindicato. Com isso, ficam garantidos  reajuste salarial de 4,48% (ICV-Dieese), aumento real de 0,5%, PLR de R$ 850 (com garantia de discussão posterior sobre as metas) e Cesta Básica de R$ 70.

O Sinergia CUT lembra que essa proposta é resultado da união dos trabalhadores, que não cederam à intransigência da empresa durante o processo negocial. Pelo contrário. Na certeza de que ainda dava para avançar e melhorar o ACT, rejeitaram duas propostas feitas pela empresa em rodadas anteriores, exerceram a pressão e conseguiram a reabertura da negociação. Porque a gente vale mais!

  Categorias: