Trabalhadores de Furnas param na quinta-feira

27 maio 14:17 2008

Os trabalhadores de Furnas irão parar por 24 horas na próxima quinta-feira (29). A paralisação das atividades, seguindo a determinação do CNE, acontecerá em virtude da posição discriminatória dos representantes da Eletrobrás com relação aos trabalhadores das distribuidoras.

Assim como já vem acontecendo há anos, mais uma vez as propostas dos trabalhadores com relação ao ACT foram recusadas pela holding, o que gerou um impasse nas negociações.

A terceira rodada de negociação do ACT 2008 do setor elétrico nacional, realizada no último dia 20, em Brasília, mostrou mais uma vez o total descaso da direção do Grupo Eletrobrás com os seus trabalhadores.

Na reunião, os negociadores do Grupo Eletrobrás apresentaram mais uma proposta sem qualquer ganho real nos salários, apenas o reajuste de salários pelo IPCA (5,04%), como nas geradoras. Mais nada da em resposta à pauta dos trabalhadores foi apresentado.

No próximo dia 04 de junho acontecerá a quarta rodada da negociação, em Brasília, e os trabalhadores esperam que a postura dos negociadores da holding mude. Os trabalhadores exigem ganho real, o fim da CCE-09 e 10, unificação de benefícios, dentre as outras reivindicações.

  Categorias: