Sindicato questiona na justiça PCS da Rede Energia

04 junho 18:07 2008

Aconteceu nessa quarta-feira (04) a primeira audiência do processo judicial que o Sinergia CUT moveu em março de 2008 para o cumprimento da implantação integral das etapas do plano de cargos e salários para as empresas da Rede Energia, na região Sul-Sudeste. O Sindicato questiona o compromisso assumido no ACT 2006, de implantação do plano de cargos e salários a as movimentações necessárias, que não foi cumprido.

Na audiência, a empresa Vale Paranapanema apresentou extensa documentação de defesa e o juiz concedeu prazo de dez dias para que o Sindicato analise.

A ação primeiramente foi ajuizada contra a empresa Vale Paranapanema e, dependendo a decisão, poderá ser estendida para as demais empresas do grupo.

  Categorias: