Rede Energia: a decisão é dos trabalhadores

13 junho 19:30 2008

Sindicato considera proposta boa e encaminha para aprovação da categoria em assembléias nas próximas terça (17) e quarta (18)

Na quinta rodada de negociação entre o Sinergia CUT e dirigentes do Rede Energia, realizada na última segunda-feira (09), em São Paulo, foi apresentada a proposta final para o ACT dos trabalhadores das cinco empresas (EDEVP, EEB, Caiuá,  CNEE e CLFO-PR). O Sindicato considerou boa a proposta e deve encaminhá-la para aprovação dos trabalhadores, nas assembléias marcadas para terça (17) e quarta (18) da semana que vem.

A empresa manteve a proposta de reajuste salarial de 6,73%, sendo 5,5% a reposição da inflação (INPC/IBGE) e 1,17% de aumento real. A alegação para não mexer nos índices é porque a empresa adotou o mesmo critério nas negociações com a CELPA e CEMAT.


Confira a proposta na íntegra:

– Reajuste Salarial: 6,73% (5,5% de reposição da inflação e 1,17% de aumento real)

– Kit alimentação:
o Vale-refeição: valor facial do tíquete  com reajuste de 22,22% (de R$ 9 para R$ 11).  Faixas de participação transformadas de salário-mínimo para valores em reais, sem aplicação do índice de correção salarial.
o Vale-alimentação/cesta-básica: reajuste de 14,72%, passando de R$ 104,60 para R$ 120.

– Plano Odontológico: administrado pela Odontoprev

– Vigência: dois anos

– Reuniões de acompanhamento e PLR: cláusula específica no  ACT garantindo a realização de reuniões de acompanhamento do Acordo com periodicidade mensal e  agendamento da negociação da PLR 2008.  Primeira data:24 de junho, às 9h. , primeira rodada da PLR 2008 e, às 14h do mesmo dia, a reunião mensal.

o Assuntos importantes a serem debatidos nessas reuniões: política de emprego, política de saúde e segurança, tíquete combustível da Caiuá, renovação de CNH, questões de organização sindical, adicional de km, política de transferência, uniformização de condições de trabalho dos acordos das cinco empresas, eleição dos representantes dos trabalhadores na Fundação Rede Prev, piso salarial, balanço da concessão de bolsa de estudos, passivo do adicional de periculosidade, licenças diversas, primarização e terceirização. 

  Categorias: