CS 2008: Rejeitada proposta da CTEEP

30 junho 10:31 2008

Após rejeitar proposta da empresa de transmissão, por não atender às reivindicações dos trabalhadores, Sinergia CUT participa de nova reunião na próxima segunda-feira

O Sinergia CUT rejeitou a proposta feita pela CTEEP na segunda reunião da Campanha Salarial, que aconteceu nesta terça-feira (20), em São Paulo. O Sindicato não aceitou o conjunto de propostas da empresa por entender que ‘a mesma não contempla reivindicações essenciais para o conjunto dos trabalhadores’. Tendo isso em vista, foi marcada uma nova reunião para a próxima segunda-feira (26).

O conjunto de propostas apresentada pela CTEEP foi rejeitado pelos trabalhadores, pois não há aumento real de salários – apenas um reajuste tendo como base o IPC-FIPE sobre os salários de junho de 2007 – e nenhuma referência à redução da jornada de trabalho, entre outros temas.

Confira a proposta apresentada pela CTEEP e rejeitada pelo Sinergia CUT:

ABRANGÊNCIA
Manter para todos os empregados

DATA BASE / VIGÊNCIA
01/06/08
Vigência 01 ano – Exceto cláusula 23ª (Gerenciamento de pessoal), que fica mantida até 31/05/2009. Empregados admitidos a partir de 31/05/2006 não são abrangidos por esta cláusula

REAJUSTE SALARIAL
100% do IPC – FIPE do período, sobre salários de 01/06/2007


GRATIFICAÇÃO DE FÉRIAS
Valor fixo de acordo com índice de reajuste


POLÍTICA DE REMUNERAÇÃO DE RESULTADOS
Premissas:
Empresa garante a negociação e pagamento da PLR 2009
Os valores, indicadores, pesos e metas serão discutidos em nov/08
Forma de distribuição: Conforme acordado entre os sindicatos na ATA da PLR 2007 do dia 18/04/08

PLANEJAMENTO DE PESSOAL
Manter, com a aplicação de 2% da folha nominal de dez/08
Parágrafo Único: Plano de cargos e salários: Negociar, com a participação dos sindicatos (definir grupo técnico) o sistema de Classificação de cargos e salários.


PISOS SALARIAIS
Ajudantes: ajustar pelo índice de correção salarial
Engenheiro: ajustar pelo valor do salário mínimo de categoria


ATS
Fazer documento individual garantindo o direito aos empregados que fazem jus a esse recebimento. Proposta: retirar clausula do ACT


FUNÇÃO ACESSÓRIA
Valor: corrigir de R$ 10,50 para R$ 11


AUXILIO VALE REFEIÇÃO
Valor mês: R$ corrigir pelo valor de R$ 375,00 para R$ 390,00. Tabela de participação: corrigir pelo mesmo índice econômico do reajuste salarial


CESTA BASE (AUXILIO ALIMENTAÇÃO)
Valor mês: Corrigir pelo valor de R$ 120,00 para R$ 126,00. Tabela de participação: corrigir pelo mesmo índice econômico do reajuste salarial.


AUXILIO CRECHE
Valor mês: corrigir pelo valor de R$ 350,00 para R$ 366,00

  Categorias: