Dieese: cesta básica aumenta em 14 de 16 capitais

01 julho 16:28 2008

A pesquisa mensal do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgada nesta terça-feira, apontou que o custo da cesta básica aumentou em 14 das 16 capitais pesquisadas em junho. Segundo o órgão, as maiores altas foram registradas em Goiânia (10,64%), Brasília (6,43%), Rio de Janeiro(5,93%) e Salvador (5,38%). As únicas cidade que apresentaram queda foram Vitória (-1,13%) e Fortaleza (-0,35%).

De acordo com as informações do Dieese, a alta de 4,29% no período fez com que Porto Alegre voltasse a ter a cesta básica mais cara do País, com custo de R$ 246,72. Já a capital paulista manteve o segundo lugar, com o custo da cesta ficando em R$ 245,24. Na outra ponta, os menores custos foram registrados em Aracaju (R$ 191,75) e Salvador (R$ 185,53).

No documento divulgado nesta terça, o Dieese apontou também que os aumentos acumulados em 12 meses (julho de 2007 a junho de 2008) são ‘bastante superiores’ ao reajuste de 9,21% concedido, este ano, ao salário mínimo.

Segundo a entidade, as principais elevações foram verificadas em Natal (51,85%), João Pessoa (45,02%) e Recife (44,92%). Apesar de liderarem o ranking da cesta básica mais cara, Porto Alegre (27,24%) e São Paulo (30,83%), têm as menores variações acumuladas em 12 meses, disse o Dieese.

Salário mínimo necessário

O órgão intersindical também calculou, com base na cesta mais cara e no preceito constitucional de o salário mínimo deveria suprir as despesas de um trabalhador e sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência, o valor ideal para o piso das remunerações pagas no País.

Segundo o Dieese, em junho, o valor desse cálculo ficou em R$ 2.072,70, ou 4,99 vezes o valor do salário mínimo vigente. Como comparação, a entidade divulgou que o valor em maio era de R$ 1.918,12; 4,62 vezes o piso, e de R$ 1.628,96 em junho de 2007; ou 4,28 vezes o mínimo em vigor na época, de R$ 380,00.

  Categorias: