Elektro: Acordo assinado

04 setembro 11:37 2008

6,8% de reajuste para salários e benefícios econômicos e 13% para os alimentícios. Cerimônia ocorreu na manhã desta quarta (03), na sede da empresa em Campinas


‘Manter sempre o diálogo, ter e dedicar tempo para discutir assuntos importantes como a qualificação e o plano de carreira de nossos profissionais são compromissos que devem ser sempre observados’, declarou o presidente da Elektro, Carlos Ferreira, aos dirigentes do Sinergia CUT, durante a cerimônia de assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho 2008/2009, na manhã do último dia 02, na sede da empresa, em Campinas.


O novo ACT garante reajuste de 6,8% para salários e benefícios econômicos e de 13% para os benefícios alimentícios.


O Sindicato reafirmou o desejo e a preocupação dos trabalhadores em dar continuidade às reuniões periódicas de acompanhamento do ACT que estão ocorrendo às quartas-feira.


‘O resultado do esforço de ambas as partes nessa Campanha Salarial é esse Acordo Coletivo. Mas existem questões que devem ser discutidas sempre porque fazem  a diferença para os trabalhadores’, ressaltaram os diretores.


Primeira conquista e novas garantias
Na reunião do acompanhamento do ACT que ocorreu logo após a assinatura do acordo, uma conquista ficou garantida: a partir da próxima segunda (08), será reaberto o prazo por 30 dias para adesão ao PEA àqueles que já estão aposentados pelo INSS ou àqueles que dicutem administrativa ou judicialmente o benefício.


Mais: já estão sendo agendadas  reuniões para debater as mudanças nos métodos da Avaliação de Desempenho, as melhorias no plano de saúde e a reabertura das discussões sobre a escala de call center.


  Categorias: