Acidente na CPFL fere gravemente eletricista

15 setembro 18:25 2008

Trabalhador continua internado no hospital de Queimados, em Limeira. Sindicato quer apuração rigorosa do caso


Campinas, terça-feira, 03 de setembro. Um técnico em recuperação de energia da CPFL ficou gravemente ferido com queimaduras no braços e no rosto quando, já na fase final do trabalho de inspeção e ao iniciar a lacração do medidor de 200 Amperes, foi atingido por um curto-circuito, que provocou arco elétrico.


O trabalhador foi socorrido pelo porteiro do edifício em que o serviço era feito e levado pelo Resgate ao hospital  Vera Cruz, em Campinas, para receber os primeiros socorros. De lá, foi encaminhado para o hospital de Limeira, especializado em vítimas de queimaduras, onde permanece internado para tratamento.


O Sinergia CUT apurou que, no momento do acidente, o eletricista executava a atividade sozinho, contrariando as legislação da saúde e segurança no trabalho.


Esse é o segundo acidente na CPFL ocorrido em menos de oito meses envolvendo trabalhador isolado em inspeção de medidor. O caso anterior aconteceu na região de Ribeirão Preto.


O Sinergia CUT continua acompanhando a evolução do estado de saúde do eletricista e já reivindicou à direção da Empresa a apuração rigorosa das causas do acidente grave. Aguarde novas informações.   

  Categorias: