Peri da AES Tietê: grana já está na conta

25 setembro 09:54 2008

Resultado de muita negociação e batalha judicial. Pagamento aos trabalhadores caiu na terça-feira (23). Valeu!


Uma ação na Justiça protocolada pelo Sinergia CUT em 2006 e, a conseqüente negociação que se travou de lá para cá entre o Sindicato e a AES Tietê  –  que resultou em um acordo aprovado pela categoria em julho passado – tiveram seu desfecho na última terça (23). O valor do adicional de periculosidade sobre o adicional de turno foi creditado na conta dos trabalhadores.


O acordo foi assinado no último dia 15 e protocolado na 9ª Vara do Trabalho de Campinas. O impacto da periculosidade sobre o adicional de turno foi retroativo a 1º de agosto. Vale lembrar que o Sindicato entrou com reclamação trabalhista na Justiça em 2006, em nome dos sindicalizados, com vitória em primeira e segunda instâncias.


No final de julho passado, a direção da AES Tietê apresentou proposta final para acordo no valor de R$ 360.000 líquidos, o que representa 72% do valor líquido apurado. Pela proposta, a aplicação dos 30% da periculosidade sobre os 7,5% do adicional de turno corresponderia a 2,25% a mais no salário todo mês.


Por reivindicação do Sinergia CUT, os trabalhadores de Bauru e de Mococa também foram incluídos na ação judicial.

  Categorias: