Parou geral!

11 agosto 12:18 2009

Terceirizados da Elektro entram no segundo dia de protestos contra atrasos no pagamento dos salários e benefícios. Paralisação atinge várias cidades de estado


Trabalhadores da Engelétrica Tecnologia de Montagem, que presta serviços para a Elektro, estão com as atividades paralisadas desde ontem (segunda-feira, 10). O protesto é contra o consecutivo atraso no pagamento dos salários e benefícios que deveria acontecer sempre no quinto dia de cada mês. Segundo informações dos próprios trabalhadores, esse é o terceiro mês de atrasos.


‘Só iremos voltar ao trabalho quando recebermos o que nos é devido’, afirmou um dos trabalhadores da Engelétrica em São João da Boa Vista que, para evitar represálias, preferiu não se identificar.


Além dessa cidade, a empresa realiza diversos serviços para a Elektro em outros municípios do estado, como Pirassununga, Limeira, Rio Claro e Mogi Guaçu. Faz atividades técnicas e comerciais de suspensão de fornecimento, religação, ligação nova, entre outras.


Até às 11h30 desta terça-feira (11), a empresa não havia se posicionado oficialmente a respeito do pagamento dos salários e benefícios em atraso para os manifestantes.

  Categorias: