Paralisação na Comgás nesta segunda-feira (17)

18 agosto 14:49 2009

Depois de rejeitar proposta final, trabalhadores pressionam  para reabertura das negociações


Os trabalhadores da Comgás rejeitaram a proposta final da empresa e deram início ao seu plano de lutas, com uma paralisação de 2 horas, nesta segunda-feira, dia 17, em todos os locais de trabalho.


Expressando a indignação e o repúdio da categoria à forma como a Comgás vem tratando a Campanha Salarial deste ano, os trabalhadores exigiram a reabertura das negociações.


Nos cinco locais de trabalho a média de adesão ficou em torno de 95%. No maior centro de operações da empresa localizado à rua da Figueira, próximo da estação Dom Pedro do metrô, praticamente todos os trabalhadores ficaram do lado de fora da unidade, a partir das 7,30 até as 9,30 horas. O mesmo ocorreu em outros centros operacionais localizados em Campinas e São José dos Campos. Na unidade administrativa de Vila Olímpia e em Santos também foi bastante forte a adesão dos trabalhadores à paralisação.


Se não houver uma iniciativa da Comgás para reabertura das negociações com uma proposta satisfatória, os gasistas realizarão nova paralisação no período da manhã, da próxima segunda-feira, dia 24 de agosto. O objetivo é conquistar reposição das perdas inflacionárias, mais aumento real de 2%;


recuperação do valor da cesta básica para ativos e aposentados (já que o Sindgasista continua representando trabalhadores aposentados); controle da jornada de trabalho; plano de cargos e salários e outros itens.


(Candida Vieira)

  Categorias: