Mandatos de diretores da Aneel expiram em dezembro

25 novembro 15:23 2009

Julião Coelho é o mais cotado para assumir lugar de Joísa Campanher, enquanto Edvaldo Santana deverá ser reconduzido



Os mandatos dos diretores da Agência Nacional de Energia Elétrica Edvaldo Alves Santana e Joísa Campanher Dutra expiram no próximo dia 22 de dezembro, e o mercado ainda aguarda a definição dos substitutos. O advogado Julião Silveira Coelho está cogitado para o lugar de Joísa Campanher Dutra na diretoria, enquanto Edvaldo Santana, que integra o colegiado, tem grandes chances de ser reconduzido para o cargo que ocupa. Os nomes devem ser encaminhados à Casa Civil pelo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão.


Joísa pediu para não ser reconduizida, alegando razões pessoais, enquanto Santana chegou a ser sondado pelo Ministério de Minas e Energia para continuar no cargo, segundo apuração da Agência CanalEnergia. Procurados, o Ministério de Minas e Energia e a Aneel não confirmam oficialmente a informação.
 
Além de Coelho, circulavam no mercado os nomes do superintendente de Concessões e Autorizações de Geração da Aneel, Hélvio Neves Guerra, do coordenador do Grupo de Estudos do Setor Elétrico da UFRJ, Nivalde de Castro, e do assessor do próprio Edvaldo Santana, José Juhrosa Junior. Em entrevista à Agência CanalEnergia, Nivalde afirmou que não recebeu convite da Aneel. Julião Silveira Coelho já fez parte dos quadros da Aneel e possui escritório de advocacia em Brasília.


A definição dos nomes é considerada importante pois caso não sejam aprovados a tempo, a agência ficará com três diretores, o quórum mínimo para votações nas reuniões semanais de diretoria.


(Fábio Couto)

  Categorias: