Sinergia CUT presente no Seminário Fundos de Pensão

03 setembro 18:56 2010

O seminário “Fundos de Pensão: Desenvolvimento Social e Econômico do País e Direitos dos Trabalhadores”, que aconteceu em Brasília, no último dia 01 de setembro, definiu a realização de um novo seminário, previsto para março de 2011, para apresentação de propostas de entidades sindicais de idéias para investimentos de fundos de pensão. 


 Em paralelo, no mesmo seminário, também será realizado um curso para formação dos Conselheiros de Fundos de Pensão. A informação é de Alberto Soares, diretor de Organização Sindical do Sinergia CUT e Conselheiro Deliberativo da Fundação CESP, que participou do evento.


De acordo com o diretor, a grande preocupação no seminário foi com o cenário futuro nacional, e de que maneira podem ser investidos os fundos de pensão, tendo em vista a tendência de queda de juros. “Estudamos no seminário a possibilidade de investimentos em renda variável e em infraestrutura como a construção de portos, energia e até mesmo no pré-sal”, explicou.


O seminário teve dois painéis. Um deles, com os palestrantes Márcio Pochmann, presidente do IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), Wagner Pinheiro, presidente da Petros, além de representantes das centrais sindicais.


O outro debate abordou os desafios dos fundos de pensão e a defesa do direito dos trabalhadores e teve participações do ministro da Previdência Carlos Eduardo Gabas, do vice presidente da Anapar (Associação Nacional dos Participantes de Fundos de Pensão) José Ricardo Sasseron, e também outros representantes de Centrais Sindicais.


“O objetivo é que no próximo seminário tenhamos a participação de todas as centrais sindicais do país para que possamos elaborar  e aprovar uma carta à sociedade sobre o tema, o  que não foi possível  ser feito neste seminário pela ausência de algumas representações”, finalizou Soares.
 

  Categorias: