CPFL Paulista estima redução de 0,7% no consumo com Horário de Verão

13 outubro 16:30 2010

A CPFL Energia estima que a 40ª edição do Horário de Verão no Brasil resulte em uma economia de 0,7% na área de atuação da CPFL Paulista e de 0,5% nas cidades atendidas pela CPFL Piratininga. A estimativa da CPFL Paulista é de que o consumo de energia elétrica reduza em 73,8 GWh nas 234 cidades que fazem parte de sua área de atuação. A carga seria suficiente para atender por cerca de um mês cidades como Bauru e São José do Rio Preto. Em horários de pico, estima-se que a demanda seja 4 pontos percentuais mais baixa.


A CPFL Piratininga (SP) calcula uma economia de 26,1 GWh no consumo das 27 cidades que atende. A carga poderia suprir a cidade de Santos por uma semana. No período de pico, a redução poderia chegar a 1,4%. O Horário de Verão entra em vigor no próximo dia 17 de outubro, à meia-noite. Os relógios serão adiantados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Distrito Federal. O programa está previsto para ser encerrado em 20 de fevereiro do ano que vem.

  Categorias: