CTEEP demite dirigente sindical

CTEEP demite dirigente sindical
14 outubro 09:44 2011 Débora Piloni

Sindicato envia carta para a empresa em repúdio à demissão.  Além disso, entrará na Justiça com pedido de reintegração

Dando provas de que a prática antissindical tem se tornado rotina na empresa e, na contramão da responsabilidade social, a CTEEP demitiu um trabalhador da área de Operação e Manutenção (OMM), de São Paulo, e que é dirigente sindical. Com 26 anos de empresa, Paulo Marques de Oliveira foi demitido na manhã dessa sexta-feira (14).
 
Para a direção do Sinergia CUT, com essa atitude, a transmissora deixa de levar em consideração o que ela mesmo prega e escreve: “Ciente da importância de sua atuação como prestadora de serviços públicos, a CTEEP incorporou em sua estratégia de negócio seu modelo de Responsabilidade Social Empresarial, que se traduz na adoção de ações éticas, em diálogos transparentes, na integridade de suas relações, na sua preocupação com o meio ambiente e nos compromissos assumidos com seus grupos de interesse: colaboradores, clientes, fornecedores, acionistas e investidores, estado e sociedade” (trecho do texto sobre Responsabilidade Social Empresarial, disponível no site da empresa).

O Sindicato enviou carta para a empresa repudiando a atitude e solicitando a desconsideração da demissão. Além disso, entrará na Justiça com pedido de reintegração do trabalhador demitido.

  Categorias: