Exposição ‘Direito à Memória e à Verdade – A Ditadura Militar no Brasil 1964 – 1985’ chega à CUT

Exposição ‘Direito à Memória e à Verdade – A Ditadura Militar no Brasil 1964 – 1985’ chega à CUT
18 julho 17:33 2012 CUT Nacional

Cartazes ficarão expostos na sede da Central até o dia 27 de julho

A Exposição “Direito à Memória e à Verdade – A Ditadura Militar no Brasil 1964 – 1985” que foi exibida durante o 11º Congresso Nacional da CUT (CONCUT) chegou nesta semana à sede da Central em São Paulo. Ela ficará no saguão da CUT até o dia 27 de julho, podendo ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h.

São 22 painéis com aproximadamente 50 fotos cobrindo todo o período da ditadura militar, passando pela resistência dos estudantes, trabalhadores e artistas ao Ato Institucional nº 5 (AI) em 1968 e a repressão, a resistência armada entre 1969-1974, a anistia de 1979 e a retomada das lutas sindicais, a campanha das diretas e o fim da ditadura.

Durante a exposição no 11º CONCUT, centenas de delegados/as deixaram mensagens no livro de assinaturas, como esta: “Uma breve, marcante e fortemente política síntese da história recente de um Brasil ainda injusto, mas consciente do seu passado” João Cezar B. Assis – Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado do Ceará.

A Exposição foi produzida pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e sua exibição no 11ºCONCUT ocorreu através de uma parceria com o Cedoc/CUT (Centro de Documentação e Memória Sindical).

  Categorias: