CS 2013: Medral apresenta proposta insuficiente

25 março 11:20 2013 Débora Piloni

Na 1ª reunião de negociação realizada no dia 13 de março, o representante das empresas Medral Fabricação e Medral Energia iniciou a reunião com muitas queixas sobre a incerteza de renovação dos contratos de manutenção com as grandes concessionárias.

O Sinergia CUT reivindicou uma negociação digna aos trabalhadores, como forma de reconhecimento pelo compromisso e dedicação ao trabalho. Depois de muita argumentação, a empresa apresentou as seguintes proposta:
 
Medral Energia

  • Reajuste: 6,9%(ICV DIEESE 6,41% + 0,49% de aumento real) – salário e PLR. No caso da Medral Energia, a empresa já concedeu um adiantamento de 4,5% no ano passado.
  • Vale Refeição: R$ 185 para R$ 197
  • Manutenção das cláusulas de ACT vigente

 

Medral Fabricação

  • Reajuste: 6,9% – salário e PLR
  • Piso salarial: R$ 750
  • Vale Refeição: R$ 185 para R$ 197
  • ATS: incluir o ATS de 0,5% para cada ano completado por trabalhador, já considerando o tempo completado
  • Garantia de 3 meses de pagamento de ticket para afastamento por auxilio saúde (sem acidentes)
  • Manutenção das cláusulas do ACT vigente

 

Reabertura das negociações

Os representantes da Medral informaram que esta é ultima proposta e o Sinergia CUT solicitou a reabertura da mesa de negociação, pois entende que é possível avançar na proposta. Aguarde.

  Categorias: