CS 2013: proposta da B Tobace ainda não convence

CS 2013: proposta da B Tobace ainda não convence
18 junho 09:30 2013 Débora Piloni

Terceira rodada aconteceu no último dia 14. Negociação continua na quinta (20)

A terceira rodada de negociação da Campanha Salarial 2013 entre o Sinergia CUT e a B Tobace aconteceu no último dia 14. Apesar de avançar um pouco, a proposta apresentada foi rejeitada, uma vez que o Sindicato entende que os índices ainda podem melhorar.

A negociação começou com a empresa oferecendo 7% de reajuste. O Sinergia CUT rejeitou esse índice e apresentou uma contraproposta de 7,5% de reajuste.

Na sequência, a B Tobace alterou a proposta para 7,16% (em virtude do contrato reajustado com a CPFL nesse mesmo percentual) e mais 10% no vale alimentação.

Quanto ao Banco de Horas, a empresa se comprometeu em fornecer a via do espelho de ponto para cada trabalhador. O Sinergia CUT cobrou o saldo do banco de horas inclusive às horas remanescentes de dezembro de 2012 pois, conforme o ACT vigente, o banco deveria zerar a cada seis meses.

A negociação continuará na quarta rodada, marcada para a próxima quinta (20). Veja abaixo a proposta da empresa apresentada nessa terceira rodada:

  • Reajuste salarial: 7,16% nos salários
  • VA: de R$ 120,00 para R$ 137,50 (10%) a ser apreciado pela diretoria da empresa
  • PCS: a empresa se compromete a implementar o sistema de plano de cargos e salários
  • Banco de Horas: a empresa se compromete em levantar o saldo de banco de horas na competência de junho/2013 para pagamento das horas em julho/2013. A empresa também entregará uma via do espelho de ponto para o trabalhador.
  Categorias: