CS 2013: Novo ACT da CESP já está valendo!

CS 2013: Novo ACT da CESP já está valendo!
10 julho 10:10 2013 Débora Piloni

Acordo foi assinado no último dia 05. Reajuste, aumento real e outras conquistas foram garantidos com muita mobilização dos trabalhadores

O Sinergia CUT e direção da CESP assinaram, no último dia 05, o Acordo Coletivo de Trabalho que terá vigência até 2014, garantindo aos trabalhadores 7,74% de reajuste sobre salários e benefícios e 14,28% sobre o Auxilio Alimentação/cesta básica, entre outras conquistas.

As assembleias que aprovaram o novo ACT foram realizadas em todas as localidades no dia 27 de junho, ocasião em que também foi aprovada a cobrança de taxa negocial de 7,74% sobre as conquistas do ACT. Conforme divulgado anteriormente, o período para protocolo de carta de oposição foi aberto no dia 01 de julho e se estende até esta quarta (10). As cartas podem ser entregues na sede ou nas macrorregiões do Sinergia CUT, das 9h às 12h e das 14h às 17h.

Vale lembrar que as conquistas alcançadas nesta Campanha Salarial em muito dependeram da demonstração de união e da mobilização dos trabalhadores em toda a base do Sindicato.

Isso porque, a direção da CESP só mudou de postura depois de sofrer grande pressão por parte dos trabalhadores nas assembleias e mobilizações dos dias 10, 17 e estado de greve a partir do dia 24 de junho, e de ser pressionada também pelas convincentes argumentações feitas pelos dirigentes do Sinergia CUT na mesa de negociação. Foram três rodadas com intensos debates até que a proposta final fosse apresentada.

Confira abaixo alguns dos principais itens do novo ACT:

  • Reajuste de salários: 7,74% (Fipe 5,11% + 2,5% de aumento real)
  • Auxílio Alimentação/cesta básica: 14,28% de R$ 700,00 para R$ 800,00
  • Aumentar o limite salarial para ter direito à Cesta Básica: em 12% passando o teto de R$ 4.646,90 para R$ 5.204,52
  • Gratificação de Férias: passa de R$ 1.781,30 para R$ 1.919,17 (7,74%)
  • Auxilio Creche: 7,92% (R$ 454,00 para R$ 490,00)
  • Base mensal: 200 horas (40 horas semanais)
  • Redução dos dias para recebimento do salário substituição: de 10 para 5
  • Verba de PCS: passa de R$ 160.000,00 para R$ 175.000,00 (9,37%)
  • Vigência do Acordo: 1 ano
  • PRR: já enviou ao CODEC. Aguarda retorno do órgão para agendar reunião com o Sindicato para tratar sobre as metas. Sindicato solicita retirada das metas da usina Três Irmãos, já que a concessão não foi renovada pelo governo estadual
  • Rateio da FCESP: manter a atual política de rateio. A Cesp incluiu pai e mãe como dependentes, o que resulta em custo maior que nas demais empresas)
  • Aplicabilidade da NR 10: cancelar a atual escala de operador isolado, cumprindo a NR 10.
  • Política de Emprego: manutenção da atual cláusula.
  • Manutenção das demais cláusulas
  Categorias: