Sinergia CUT participa de mesa redonda com a KFA na GRT de Presidente Prudente

Sinergia CUT participa de mesa redonda com a KFA na GRT de Presidente Prudente
08 janeiro 17:32 2014 Nice Bulhões

Atualizada às 16h30 do dia 13/01/2014

O Sinergia CUT realiza este mês assembleia com os trabalhadores da KFA para buscar outra opção de banco a fim de evitar atrasos na liberação dos valores relativos à folha de pagamento. Essa foi uma das decisões tiradas da mesa redonda feita entre representantes do Sindicato e da empresa, realizada em 23 de dezembro passado, na Gerência Regional do Trabalho (GRT) de Presidente Prudente.

O processo de negociação foi mediado por Silvana Vianna Passarello, chefe do Setor de Relações do Trabalho da referida GRT. Na audiência, a empresa informou que está efetuando os pagamentos (depósito) na data correta: 5º dia útil.

Porém, segundo ela, como os trabalhadores optaram por contas salários no SICRED, os atrasos nos créditos relativos aos salários ocorrem em função da transferência bancária. Após discussões, as partes concordaram que o Sindicato realize assembleia com os trabalhadores para optarem por outro banco a fim de evitar atrasos na liberação do pagamento.

A empresa ainda se comprometeu na GRT de Presidente Prudente a disponibilizar o cronograma de concessão de férias, período 2013/2014, até o próximo dia 20. Quanto ao Vale Alimentação/Vale Refeição (VA/VR), a KFA afirmou que paga o beneficio corretamente e responsabilizou a operadora que realiza o repasse do beneficio pelos atrasos. A empresa informou que está procurando uma nova operadora a fim de resolver o problema e se comprometeu em apresentar a solução juntamente com o cronograma de férias no processo.

A KFA alegou que não há atrasos em relação aos recolhimentos do FGTS e quanto ao INSS informou que foi firmado acordo de parcelamento junto ao órgão federal. Após discussões, ficou acordado que a empresa juntará ao processo até dia 20/01/14 as certidões negativas referentes aos dois recolhimentos no processo.

Por último, referente o ACT 2013/2014, o Sinergia CUT questionou a empresa por ter suprimido as cláusulas pré-existentes do Acordo Coletivo de Trabalho da Fasa Indústria, tais como Hora In-itinere, Hora Extra, Descanso Remunerado, Compensação de sábado e Adicional por Tempo de Serviço. A empresa concordou em retornar as cláusulas para o ACT da FASA. As partes se comprometeram em assinar os ACTs até dia 15/01/2014.

  Categorias: