CS 2014: negociação com a Medral segue sem avanços

CS 2014: negociação com a Medral segue sem avanços
14 abril 10:10 2014 Débora Piloni

Trabalhadores deliberam plano de lutas. Assembleias ocorrem nesta quarta (16) e quinta (17).

Os trabalhadores da Medral participam de assembleias nesta semana para deliberar um plano de lutas com o objetivo de melhorar as negociações da Campanha Salarial 2014.

Tudo porque, apesar da insistência do Sinergia CUT para que se discuta e negocie a pauta de reivindicações da categoria, a empresa limita-se à proposta de reajuste de 6,75% sobre salários e benefícios e manutenção das demais cláusulas do ACT vigente.

Além de repudiar a atitude da empresa, que até agora realizou apenas uma rodada de negociação e nega-se a ir além do econômico, demonstrando total desrespeito com a pauta dos trabalhadores, o Sindicato realizará nos locais de trabalho entre esta quarta (16) e quinta (17).

Caso a proposta seja rejeitada, um plano de lutas será deliberado. A proposta é que a mobilização seja gradativa para forçar a empresa a reabrir as negociações: 2 horas de paralisação no próximo dia 22,  ½ período no dia em 30 de abril, um dia em 12 de maio e greve por tempo indeterminado a partir do dia 19 de maio.

Participe! Aqui a história comprova: a empresa não dá nada… a gente que conquista!

  Categorias: