CS 2014: CPFL abre as negociações com choradeira

CS 2014: CPFL abre as negociações com choradeira
17 abril 09:00 2014 Débora Piloni

Empresa não apresenta nenhuma contraproposta às reivindicações dos trabalhadores na primeira rodada. Próxima reunião ocorre no dia 24

A abertura da negociação da Campanha Salarial 2014 do Sinergia CUT com representantes da CPFL, que aconteceu na manhã desta quarta-feira (16), acabou se transformando apenas em uma reunião para agendar as próximas rodadas entre empresa e Sindicato.

O Grupo CPFL iniciou a reunião com a apresentação dos números da macroeconomia do país e do setor e voltou com a choradeira de que neste ano a regulamentação do setor está estrangulando a empresa, o que segundo ela, deverá ser considerado no processo de negociação.

Referente às reivindicações dos trabalhadores, o Grupo afirmou que não teve tempo hábil para analisar todas as pautas, porque algumas entidades sindicais ainda não entregaram suas pautas. A data-base 1º de junho foi garantida.

A direção do Sinergia CUT aproveitou o encontro para ressaltar que o cenário apresentado pela empresa não é o mesmo dos trabalhadores, porque a macroeconomia deverá ser igual ou melhor que a de 2013. Ou seja, para o Sindicato o processo de negociação deverá focar no Aumento Real.

“A categoria discute na mesa a inflação dos últimos 12 meses, melhorias na PLR, nas condições de trabalho e nas práticas de gestão por parte da CPFL, pois há pendências existentes nos locais de trabalho em virtude do descumprimento do ACT e/ou legislação”, afirmou a direção do Sinergia CUT.

Novas reuniões

As próximas rodadas foram marcadas para 24 e 29 de abril, sempre às 9h. Fique ligado! A luta está só começando. A empresa não dá nada… a gente que conquista!

  Categorias: