Energisa: oposição à taxa negocial vai até o próximo dia 27

14 janeiro 14:41 2015 Nice Bulhões

Conforme Acordos Coletivos de Trabalho 2014/2016 assinados entre as empresas da Energisa e o Sinergia CUT, a taxa negocial a ser cobrada será de 5,62% sobre as negociações coletivas.

Os trabalhadores têm prazo de 14 a 27/01/14 para entregar carta de oposição à cobrança da taxa negocial/contribuição ssistencial.

As cartas devem ser protocoladas na sede ou nas macrorregiões do Sinergia CUT, nos horários compreendidos das 9h às 12h e das 14h às 17h.

  Categorias: