Escuro: Explosão em subestação da CPFL causa apagão em Campinas

19 janeiro 14:43 2015 Douglas Fonseca

Ao menos 15 bairros da cidade ficaram sem energia elétrica; 50 mil pessoas afetadas

apagao_cpfl1_ elcio alves

Foto: Elcio Alves/ AAN – Corpo de Bombeiros foi até o local para combater um suposto princípio de incêndio na Subestação Paineiras

 

Campinas registrou um apagão durante a noite deste domingo (18) em pelo menos três bairros da cidade. Por volta das 21h a Região Leste, que envolve os bairros Cambuí, Centro, nova Campinas, Taquaral, entre outros ficaram às escuras com a falta de energia elétrica. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros da cidade, um problema técnico causou uma explosão em uma subestação da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) próximo ao shopping Iguatemi.

Duas viaturas do Corpo de Bombeiros estão no local preventivamente, no entanto, não houve registro de incêndio.

apagaoCPFL_elcio alves_2

A CPFL informou que a queda da energia foi rápida e voltou de forma definitiva poucos minutos após o apagão. No entanto, não soube informar os motivos que deixaram parte da cidade sem luz e está apurando o que aconteceu na rede.

Ainda de acordo com a CPFL, cerca de 50 mil clientes foram afetados pela queda de energia, porém, não tem o balanço da quantidade de bairros que sofreram com o apagão.

Sabe-se que ao menos 15 bairros da cidade ficaram sem energia elétrica. São eles: Centro, Cambuí, Taquaral, Jd. Paraíso, Proost Souza, Jd. Aurélia, Vila Brandina, Vila Industrial, Novo Campos Elíseos, Nova Campinas, Taquaral, Pq. São Bento, Guanabara, Chácara da Barra e Nova Campinas.

Viatura da Polícia Militar chega à subestação Paineiras para prestar apoio em apagãoLeitores do Correio Popular informaram que a energia elétrica também oscilou em regiões de Hortolândia, Sumaré e Valinhos, mas não é possível saber se o problema foi causado nestas cidades pelo mesmo motivo do que em Campinas.

O leitor Andrew Luna informou que no bairro onde mora, no Jardim Aurélia, a energia oscilou por várias vezes. “Aqui a força acabou umas cinco vezes e após alguns minutos voltou” disse.

Segundo relatos de testemunhas, moradores de prédios no bairro Paineiras ficaram presos nos elevadores por aproximadamente 40 minutos. Veículos das empresas de manutenção desses elevadores foram vistos circulando pela região com frequência.

A Empresa de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) está com quatro viaturas pela região afetada pelo apagão para dar auxílio no trânsito nas principais vias da cidade. Os semáforos da região também apagaram devido à falta de energia elétrica.

Fonte: Matéria do site do jornal Correio Popular

  Categorias: