CS 2015: Taesa diz não às reivindicações do Sindicato e proposta é rejeitada

07 julho 15:43 2015 Nice Bulhões

Decepção! Depois de implementar reajuste à revelia do processo de negociação, empresa recusa discutir pauta dos trabalhadores

 

Depois de muita insistência do Sindicato, o processo de “negociação” com a Taesa foi retomado. O Sinergia CUT cobrou a posição da empresa referente aos itens que ficaram pendentes ao longo da negociação durante a segunda rodada de negociação, realizada na última sexta-feira (03), no Rio de Janeiro. Além disso, os dirigentes sindicais discordaram da atitude da empresa de implementar, mais uma vez,um reajuste à revelia do processo de negociação.

O Sinergia CUT repudiou a postura unilateral da empresa e cobrou os pontos abaixo:

  • Refeição fora do domicílio;
  • Sobreaviso;
  • 13º vale refeição/alimentação;
  • Função acessória;
  • Auxílio creche.

 

Seria cômico se não fosse trágico! A empresa, depois de ouvir toda a argumentação do Sindicato, disse “NÃO” a todas as reivindicações acima e afirmou que aplica uma ótima política de contensão de talentos. Na avaliação da Taesa, não se faz necessário neste momento atender as reivindicações da entidade sindical.

Diante da recusa da empresa em negociar a pauta dos trabalhadores, o Sindicato encaminhará a proposta para a assembleia dos trabalhadores. Fique ligado!

 

#Tamojuntoproquederevier

  Categorias: