CS 2020: Trabalhadores da Energisa aprovam proposta de Acordo Coletivo de Trabalho

As assembleias deliberativas aconteceram nesta semana, entre os dias 11 e 12. Com esse resultado, os trabalhadores recebem o salário e benefícios reajustados de forma retroativa ainda no crédito do pagamento de novembro

CS 2020: Trabalhadores da Energisa aprovam proposta de Acordo Coletivo de Trabalho
13 novembro 11:11 2020 Débora Piloni

As assembleias deliberativas aconteceram nesta semana, entre os dias 11 e 12. Com esse resultado, os trabalhadores recebem o salário e benefícios reajustados de forma retroativa ainda no crédito do pagamento de novembro

Por maioria dos votos, trabalhadores da Energisa aprovaram a proposta de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) negociada entre representantes da empresa e dirigentes do Sinergia CUT nessa árdua Campanha Salarial de 2020.

As assembleias presenciais na base do Sinergia CUT aconteceram nesta semana, entre quarta (11) e quinta (12). Na ocasião, além da proposta de ACT, foi deliberada e aprovada também a cobrança da taxa negocial no mesmo percentual do reajuste (2,69%). Bom observar que, para a realização das assembleias, o Sindicato tomou todas as medidas sanitárias para a segurança dos trabalhadores.

A proposta aprovada prevê, entre outros itens, a manutenção/inclusão e alteração de cláusulas do ACT 2019/2021; prorrogação da vigência do Acordo até 2022 e reajuste salarial de 2,69%.

Para conferir a proposta na íntegra e também um pouco da história dessa luta, clique aqui e leia o Boletim do Sinergia CUT 1608.

O Sinergia CUT já encaminhou correspondência à direção da empresa para informar o resultado das assembleias, bem como encaminhar o texto do Acordo para análise e posterior assinatura do Acordo. Com isso, o pagamento de novembro dos trabalhadores já deve sair com salário e benefícios reajustados de forma retroativa.

Vale informar que o Sindicato aproveitou a carta enviada à Energisa para solicitar também que seja agendada reunião com o objetivo de discutir, com o máximo de urgência, os assuntos pendentes coletados junto aos trabalhadores por ocasião das assembleias desta semana. Fique ligado!

A saída da crise é coletiva. O Sindicato é seu parceiro nessa luta!

Por Débora Piloni

  Categorias: